junho 07, 2009

É o que constantemente fazemos: não damos a cara. É mais fácil ter alguém que faça o trabalho por nós, de modo a que saiamos impunes e não soframos de pesos de consciência. Tenho um sobrelote de perguntas retóricas que gostava que fossem respondidas por outras almas que não a minha, mas todos jogamos para o mesmo: não dar a cara. Mas todos somos muito amigos, todos somos muito Imaculas-Virgens-Maria-Da-Amizade (que sobre todos vós desça o Espírito Santo, talvez assim nasçam sinapses...). Se é este o jeito de tomar as coisas nas mãos, eu vou lavar as minhas...

2 comentários:

Silvana disse...

como eu percebo o que queres dizer, custa sempre dar a cara e encarar as coisas de frente.
há que tomar uma outra atitude.

quando á questão da liberdade, nem vale a pena dizer nada.
não somos livres, estamos "engaiolados" nas nossas belas jaulas.
e mais não digo...

beijinhos* :)

baby piggy disse...

tu gostas muito da palavra sinapses :P muahahahahah